Logomarca curso Marta Garcia
tecnólogo pode fazer mestrado

Afinal, tecnólogo pode fazer mestrado? Entenda aqui!

Existe uma dúvida se tecnólogo pode fazer mestrado ou não, já que muitos cursos de pós-graduação, especialmente os de mestrado, exigem o diploma de bacharelado como critério de ingresso. Assim, como se trata de um questionamento recorrente, é indispensável entender mais sobre o assunto, mas já adiantamos que a resposta é positiva.

O questionamento costuma ser recorrente, porque, afinal de contas, após a formação como tecnólogo ou qualquer outro tipo, é possível que o estudante queira fazer uma especialização para ter mais destaque no mercado de trabalho e ter uma bagagem de conhecimento mais profunda e rica em torno do assunto.

Por esse motivo, preparamos este post respondendo dúvidas como se o tecnólogo pode fazer mestrado, como isso funciona, quais são as possibilidades e quando fazer cada um. Continue a leitura e entenda!

Afinal, tecnólogo pode fazer mestrado?

A resposta é sim! Segundo o Ministério da Educação (MEC), o diploma de tecnólogo permite o ingresso no mestrado e em concursos públicos de nível superior, mesmo que essa não seja uma prática tão recorrente.

Assim, é possível aproveitar os benefícios de um curso com período mais curto, podendo concluir em até 2 ou 3 anos, e com mais opções EAD, para que a dificuldade e gastos com o deslocamento não seja um problema.

Como fazer mestrado depois do tecnólogo?

A pós-graduação, como o mestrado, exige o cumprimento de alguns critérios. Acompanhe os principais a seguir.

  • Ensino Superior Completo: a pós é uma continuação do ensino superior, que pode ser o tecnólogo, bacharel ou licenciatura;
  • Eixo do conhecimento: quem cursou um tecnólogo em administração, por exemplo, pode querer continuar seus estudos escolhendo cursos na mesma área, como gestão de pessoas;
  • Reconhecimento do curso pelo MEC: cursos reconhecidos pelo MEC, principalmente os que receberam nota acima de 3 (sendo 5 a nota máxima), garantem uma melhor qualidade de ensino.

Ao seguir os critérios citados acima, o próximo passo é escolher o curso e a instituição que atenda seus interesses e objetivos profissionais, além de avaliar os requisitos da inscrição.

Quando fazer uma pós-graduação?

O curso de pós-graduação, como mestrado, pode ser feito logo após o estudante adquirir o diploma do curso superior e desejar realizar uma formação que aprofunde seu grau de conhecimento.

Enquanto isso, o ingresso no MBA, que também exige o diploma de curso superior, é voltado para indivíduos que tenham interesse em trabalhar na área de gestão e negócios. Assim, esse tipo de curso pode ter uma grade curricular bem diferente da estudada anteriormente.

O doutorado também tem como exigência o curso superior para o ingresso, mas diferentemente do que o senso comum costuma imaginar, não é necessário ter passado também por um mestrado anteriormente. Porém, por ter um alto nível de seleção dos candidatos, esse tipo de curso costuma anteceder os doutorandos.

Percebeu que tecnólogo pode fazer mestrado e muitas outras opções de curso? Então aproveite os benefícios que esse tipo de formação proporciona, como o tempo de duração menor, conhecimento em nível de especialização, chances de contratação rápida etc., e invista no seu futuro.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.