• 6 dicas para escolher o melhor curso de inglês instrumental

    Resolvendo exercícios Curso Marta Garcia

    Já explicamos aqui no blog que, para potencializar suas chances de passar em um exame de proficiência de língua inglesa para mestrado ou doutorado, a melhor forma de estudar é fazendo um curso de inglês instrumental.

    Como também já falamos, o inglês instrumental é uma metodologia que visa a capacitar o aluno para propósitos específicos, como a leitura de artigos acadêmicos e textos técnicos, atividade própria dos cursos de mestrado e doutorado.

    Mas na hora de escolher o melhor curso de Inglês Instrumental, como avaliar se ele realmente pode oferecer a você um auxílio consistente para passar na prova de proficiência? Existem alguns pontos que nenhum curso de inglês instrumental pode deixar de ter. Então, separamos alguns desses itens, para você saber o que não pode deixar de exigir. Acompanhe:

    Como escolher o melhor curso de inglês instrumental

    1) Capacitar o aluno para ler e traduzir livros e artigos em inglês

    Esse, afinal, é o principal objetivo de um curso de inglês instrumental: os alunos devem terminar as aulas capacitados para fazer uma prova de proficiência em língua inglesa, habilitados principalmente para a leitura. E como descobrir se uma escola realmente cumpre essa meta? O ideal é analisar qual é a ementa do curso, quais são os assuntos ensinados e como eles são passados aos estudantes e também conversar com alunos e ex-alunos para saber qual é o grau de satisfação com a metodologia, com o material de estudos e com o resultado das aulas.

    2) Ensinar técnicas de resolução de exames de proficiência

    Não basta que a escola aborde o ensino da leitura em língua inglesa: se os estudantes estão lá para aprender como passar em um exame de proficiência, as aulas devem capacitá-los para passar em um exame de proficiência. Por isso, além de técnicas e processos que facilitam a leitura e a compreensão textual, como os métodos scanning e skimming, por exemplo, o curso deve focar em situações práticas, como fazer análises, comentários e resoluções de provas de proficiência que já tenham sido realizadas em cursos de mestrado e doutorado.

    3) Oferecer modalidade online

    Hoje em dia, a internet tem ajudado cada vez mais pessoas a encurtarem distâncias, seja para qual propósito for – e um deles é estudar. Por isso, o melhor curso de inglês instrumental ter presença online e possibilitar que alunos das mais diversas partes do país e do mundo possam ter acesso à educação. E esse é um bom indicativo de qualidade, uma vez que, para oferecer aulas online, é necessário ter pelo menos uma estrutura mínima.

    4) Permitir flexibilidade nas aulas

    Sabemos que é cada vez mais difícil conseguir compatibilizar todos os nossos compromissos sem ficarmos sobrecarregados. Por isso, o melhor curso de inglês instrumental deve oferecer ao aluno a possibilidade de flexibilizar as aulas. Isso pode ser feito por meio da modalidade online, que permite que as aulas sejam acompanhadas de diferentes locais, e também em relação aos horários. O curso deve estar disponível 24 horas por dia para o aluno, para que ele assista às lições no ritmo que quiser. Assim, os que têm mais pressa podem realizar o curso em questão de dias, enquanto os que preferem estudar com mais calma têm mais tempo para isso.

    5) Ter professores experientes

    Muitas pessoas acham que é fácil dar aulas de inglês, bastando conhecer a língua e um pouco de sua gramática. Nada mais longe da verdade. Para dar aulas, é necessário conhecer metodologias de ensino e, no caso de um curso de inglês instrumental de qualidade, o ideal é que os professores tenham experiência nesse método. Antes de fazer sua matrícula e iniciar as aulas, verifique a formação e qualificação dos professores da escola.

    6) Não exigir conhecimento prévio em inglês

    O melhor curso de inglês instrumental não deve exigir que o aluno já saiba inglês. Afinal, boas práticas dessa metodologia de ensino permitem que tanto alunos iniciantes quanto experientes se beneficiem dos aprendizados em leitura. Então, independente do seu nível de conhecimento da língua, verifique se a escola contempla o seu caso.

    Se depois de verificar tudo isso você chegar à conclusão de que o curso cumpre todos esses requisitos, invista tranquilamente, pois os resultados não demorarão a chegar. Uma boa metodologia aliada ao seu empenho em aprender é garantia de sucesso!

    Gostou deste post e já sabe como escolher o melhor curso de inglês instrumental para se preparar para a prova de proficiência do mestrado ou doutorado? Tem outros sobre esse e outros assuntos no nosso blog.